O número de casos de Covid-19 está a aumentar em Lousada. O alerta é do presidente da Câmara, Pedro Machado, que fez uma comunicação via redes sociais depois da reunião semanal com a Autoridade de Saúde Local.

“Tendo surgido alguns casos na comunidade escolar, a Autoridade de Saúde actuou de imediato e, só neste fim-de-semana, foram feitos mais de 1000 testes PCR de modo a restringir ao máximo possíveis cadeias de transmissão. Com este elevadíssimo número de testes em tão pouco tempo, apesar dos transtornos causados, foram detectados 17 casos positivos, sendo que a Autoridade de Saúde explica que uma boa parte destes contágios está relacionado com cadeias de transmissão oriundas de outros concelhos vizinhos”, explica o edil, clarificando que os casos não tiveram origem nas escolas, mas que isso permitiu detectar e prevenir a propagação.

A altura, salienta Pedro Machado, é de manter o nível de alerta. “Actualmente o Mapa de Risco de Lousada encontra-se abaixo dos 120 casos / 100.000 habitantes (cerca de 60 casos/100.000/hab), mas a experiência diz-nos que não devemos relaxar, pois os números podem piorar num instante”, sustenta o presidente da Câmara, acrescentando que “o uso de testes em massa, tal como aconteceu no último fim-de-semana, é uma ferramenta imprescindível para conseguirmos conter o aumento descontrolado de casos que poderiam ter consequências na saúde pública” mas que isso “não dispensa, de modo algum, os cuidados que cabem a cada um”.

“Com o desconfinamento generalizado, só conseguiremos evitar o crescimento exponencial de novos casos se nos mantivermos, todos, cuidadosos, responsáveis e vigilantes”, apela o autarca, pedindo que sejam respeitados a quarentena e isolamento sempre que necessário e evitados contactos com os membros do agregado familiar.

Deixe o seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here