A Câmara de Valongo está a promover o 1.º Concurso Curtas de “Valongo”, iniciativa que tem como propósito fomentar o cinema no território, tendo como tema a diversidade cultural, social, ambiental e geográfica do município.

Com este concurso, a autarquia tem também como metas homenagear o território, pesando na avaliação do júri, que integra o conhecido actor e realizador Luís Miguel, a forma como cada um dos concorrentes conseguir retratar o município na sua diversidade.

Fonte da autarquia revelou que esta iniciativa pretende estimular de forma dinâmica e criativa a produção de curtas-metragens que celebrem o património associado ao concelho, tendo em conta o seu enquadramento cultural e a vivência da comunidade local.

“Este concurso procura incentivar a criatividade de munícipes, cineastas, e público em geral, apoiando a realização de projectos cinematográficos focados na divulgação do património material e imaterial representativo de Valongo”, revelou, sustentando que é objectivo da autarquia criar igualmente condições para a descoberta de novos talentos,  trabalhar para a criação de um arquivo imagético, neste caso cinematográfico, capaz de sedimentar a memória e a identidade do território.

A mostra tem, igualmente, como finalidade apelar à sensibilidade e aos diferentes pontos de vista de diversos cineastas e promover uma reflexão em torno da produção cinematográfica nacional como veículo de preservação dessa identidade e dessa memória comuns.

O prazo de inscrição e recepção das propostas está a decorrer até ao dia 15 de Fevereiro de 2020.

No período compreendido entre 15 de Fevereiro e 12 de Março de 2020, todas as participações vão passar por um processo de aprovação pelo município, para verificação da sua conformidade com os requisitos acima estabelecidos, sendo definitivamente excluídas as que não estejam conformes.

A recolha de votos decorre entre as 00h00 do dia 13 de Março até às 23h59 do dia 13 de Abril de 2020. No final deste período de votação, todas as curtas‐metragens que tenham recebido um mínimo de 50 votos serão avaliadas pelo júri (composto por três a cinco elementos designados pelo município).

O júri deliberará no período compreendido entre 14 de Abril e 13 de Maio de 2020.

Os vencedores serão anunciados no Portal da Juventude do Município de Valongo, no dia 15 de Maio de 2020, integrado no programa da “Sai da Caixa”.

Falando dos formatos que cada um dos concorrentes pode utilizar, a mesma fonte declarou que os formatos aceites são o MP4 (H264), MOV, WMV ou AVI, preferencialmente em HD.

Pode participar qualquer pessoa residente em território nacional, profissional ou amador.

A divulgação tem privilegiado as redes sociais com foco nos estabelecimentos superiores de ensino da área do cinema e audiovisual.

O número mínimo de participações é de 10 curtas. No caso de não ser atingido este número mínimo de projectos, a Câmara de Valongo reserva-se no direito de dissolver a iniciativa.

De referir também que o júri poderá excluir qualquer curta-metragem que apresente problemas técnicos relevantes que impeçam ou dificultem a seu visionamento ou a sua utilização ou não esteja enquadrada no tema do concurso.

Os critérios subjacentes à análise das propostas do concurso privilegiam a aposta na originalidade e criatividade, na objectividade e clareza da mensagem e adequação à identidade do concelho.

O júri terá, ainda, em conta percepção na óptica do consumidor.

Partilhar
Artigo anteriorMil anos de guerra
Jornalista