O Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS), constituído pelo Hospital Padre Américo, em Penafiel, e pelo Hospital São Gonçalo, em Amarante, estima que, até ao final do ano, seja cumprido um dos grandes objectivos da tutela de não ter nenhum doente a aguardar consulta de especialidade ou cirurgia há mais de um ano, informa nota de imprensa do centro hospitalar.

“Este objectivo deve somar-se a um outro, que é o de ter, neste ano 2019, o maior nível de actividade da história do hospital, seja em consultas, seja em cirurgias”, refere a mesma fonte.

O CHTS destaca que o Hospital São Gonçalo, que já tinha sofrido um aumento de actividade em mais de 150% desde 2016, terá também em 2019 o maior número de sempre de cirurgias ali realizadas, havendo uma maior rentabilização daquele equipamento hospitalar.

Neste centro hospitalar, com 2000 colaboradores, é tratada mais de 5% da população portuguesa.