Foto: Câmara de Valongo
Publicidade

A solidariedade juntou centenas de pessoas, esta terça-feira de Carnaval, em Valongo, para participar num Free Trail Solidário a favor do Rodrigo, um menino de oito anos que precisava de uma cadeira de rodas adaptada.

No total, a iniciativa conseguiu angariar 8.347,96 euros de ajuda que vão permitir comprar não só a cadeira de rodas (que ronda os 5.000 euros), mas também apoiar os pais do menino na aquisição de umas talas adaptadas, no pagamento dos sucessivos tratamentos de fisioterapia e na aquisição de fraldas.

“Não vou ter como agradecer a minha vida toda”, confessa Antónia Martins, mãe do menino, que não esconde ter-se emocionado, ontem, ao saber do valor angariado. “Estou feliz. Nunca pensei que num só evento conseguíssemos a verba toda. Ainda nem acredito”, confessa.

Foto: Câmara de Valongo

Antónia Martins explica que dizer obrigado é pouco para agradecer a todos os elementos da equipa KeMedo e da Longus Bike que se empenharam na organização do evento, assim como a todos os que participaram e fizeram donativos. “São pessoas que têm um coração e uma alma boa. Que preferiram sair de casa num dia que não estava bom e foram lá ajudar na mesma. Não achei que fossemos chegar ao coração de tanta gente”, diz a mãe do pequeno Rodrigo.

O dinheiro angariado, explica, será usado para adquirir a cadeira de rodas adaptada, que terá que ser ainda encomendada por ser “à medida” do menino. Como a verba do Free Trail ultrapassou o dinheiro necessário para esse fim, a família conta ainda poder comprar novas talas para os pés do Rodrigo, que têm que ser trocadas anualmente e que custam cerca de 500 euros e está a estudar a hipótese de comprar uma cama ortopédica adaptada (que rondará os 1.000 euros). O restante valor será usado para comprar fraldas e pagar tratamentos de fisioterapia. Recorde-se que só em fisioterapia e fraldas esta família gasta cerca de 1.200 euros mensais. Como as necessidades são constantes, adianta Antónia Martins, já estão a distribuir rifas que, esperam, vão ajudar a angariar dinheiro para os tratamentos.

Foto: Câmara de Valongo

“A iniciativa superou expectativas”, confirma Hélder Gomes, da organização do Free Trail Solidário. Participaram cerca de 750 pessoas, apesar da chuva, e, só com o apadrinhamento que pediram às equipas, atingiram o valor necessário. “Conseguimos 8.347,96 euros. Chega para a cadeira, umas talas e talvez uma cama adaptada e para outras necessidades do menino. Todo o dinheiro angariado é para o Rodrigo”, salientou. “A correr ou caminhar todos quiseram contribuir para ajudar o Rodrigo”, refere a equipa organizadora.

O Rodrigo Martins tem oito anos e uma doença ainda não diagnosticada. Sofre de hipotonia (falta de força muscular) que o impede de levar uma vida normal, tendo dificuldades de locomoção e na fala, desequilíbrios e falta de coordenação motora.

Conheça a história do Rodrigo aqui.