DCIM100MEDIADJI_0027.JPG
Publicidade

A Câmara Municipal de Lousada está a desenvolver escavações arqueológicas na área classificada do Monte de São Domingos, em Cristelos. As intervenções estão a ser realizadas na Casa Romana e no Castro de São Domingos, ambos os espaços enquadrados na área do povoado fortificado da Idade do Ferro e Época Romana, localizado em Cristelos.

Este projecto de investigação, coordenado pelo Gabinete de Património e Arqueologia, conta com a participação, num plano pluridisciplinar, do departamento de Geologia da Universidade do Minho e do Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos, da Universidade do Porto. A colaboração estende-se ainda aos alunos da Escola Profissional de Arqueologia e aos alunos do curso de Arqueologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, bem como a jovens voluntários do concelho de Lousada.

Citado em comunicado, o vereador da Cultura, Manuel Nunes, referiu que a aposta do município de Lousada na continuidade dos trabalhos arqueológicos no Castro do Monte de S. Domingos visa o aprofundamento do conhecimento científico relacionado com esta área arqueológica de especial relevância patrimonial no contexto concelhio.

“Por outro lado pretende a sua conservação e valorização, através da fruição por parte de visitantes e turistas”, lê-se no comunicado enviado ao nosso jornal.

O projecto teve início em Julho último ano e prolonga-se até final deste mês.